Governança Corporativa

A TBG desempenha suas atividades pautada nas melhores práticas de Governança Corporativa, para preservar o valor da organização, respeitando os princípios de transparência, equidade, prestação de contas e responsabilidade corporativa.

A estrutura de Governança Corporativa da TBG tem os órgãos deliberativos e executivos atuando de forma integrada e coordenada, e suas atribuições seguem o que está definido na Lei das S.A. (Lei nº 6.404/76) e no Estatuto Social da TBG.

A contínua busca da TBG pelo aprimoramento das suas práticas de Governança visa a agregar valor à gestão da Companhia e consolidar sua imagem institucional, sempre pautada na confiabilidade, responsabilidade, transparência e ética.

Diretoria Executiva

Renato de Andrade Costa

Diretor Presidente 

Engenheiro civil, é pós-graduado pela instituição francesa Insead em Gestão Avançada, com MBA Executivo em Finanças pelo Ibmec e em Negócios de Energia pela FGV.  Possui também pós-graduação em Engenharia de Software pela Coppe-UFRJ. Funcionário de carreira do Sistema Petrobras, nos últimos três anos atuou como gerente executivo de Logística e Participações em Transportadoras de Gás Natural, na Diretoria de Gás & Energia da Petrobras, e como diretor da Gaspetro, subsidiária de gás da Petrobras. No mesmo período, foi presidente do Conselho de Administração da TBG e conselheiro da TAG. Em abril de 2016, foi nomeado Diretor Presidente da TBG. Em sua trajetória profissional, foi gerente geral de Novos Negócios, ligado na época à Presidência da Petrobras e, antes disso, gerente geral de Negócios de Energia da Diretoria de Gás & Energia. Exerceu, também, a função de gerente substituto de Mercados Futuros de Energia do Abastecimento e Comercialização da Petrobras, trabalhou na área Comercial do escritório da Petrobras em Londres, foi gerente de Geração de Energia Renovável e Gás Natural da Petrobras Distribuidora S/A (BR) e diretor-presidente da Brasil PCH, empresa coligada da BR para a implantação de Pequenas Centrais Hidroelétricas (PCHs) em Goiás, no Espírito Santo, Minas Gerais e Rio de Janeiro. Na Brasil PCH, atuou também como conselheiro. 

Jorge Roberto Abrahão Hijjar

Diretor Comercial

Engenheiro civil, Doutor em Ciências em Engenharia Civil e graduado no MBA-Executivo do Instituto Coppead/UFRJ, é também Professor Conferencista Emérito do Instituto Militar de Engenharia (IME). Possui cursos de especialização nas seguintes instituições: Harvard Business School, INSEAD, IHRDC, Universidade de Michigan e IBGC. Funcionário de carreira da Petrobras, ingressou como engenheiro do Centro de Pesquisas (CENPES); atuou também como chefe da Supervisoria Comercial da gerência de Gás da Petrobras Distribuidora; gerente de Operações na gerência de Distribuição de Gás Natural; gerente de Desenvolvimento de Mercado Residencial, Comercial e de Modais Alternativos de Suprimentos de Gás Natural; gerente de Tecnologia para Desenvolvimento de Mercado de Gás e Energia; gerente de Tecnologia para Processos de Gás Natural; gerente de Preços de Gás Natural e Energia e gerente geral de Participações em Empresas de Energia. Atualmente é o diretor Comercial da TBG.
 

Jorge José Nahas Neto

Diretor Financeiro

Bacharel em Economia, com pós-graduação em Engenharia Econômica, é funcionário de carreira do Sistema Petrobras. Foi gerente Financeiro na Petrobras Internacional – antiga Braspetro; gerente Administrativo Financeiro na Petrobras América INC. em Houston, Texas. Em 1999, na Petrobras, assumiu a gerência de Planejamento Financeiro e Avaliação de Portfólio. Foi também gerente executivo de Planejamento Financeiro e Gestão de Riscos, entre dezembro de 2004 e fevereiro de 2016. Como representante da Petrobras, exerceu de 2008 a 2013 o cargo de conselheiro deliberativo da Petros. É membro do Conselho da Petrobras Argentina. Atualmente é o diretor Financeiro da TBG.
 

Marcelo Curto Saavedra

Diretor de Manutenção e Operação

Engenheiro Eletrônico, com especialização em Gestão Empresarial, possui pós-graduação em Tecnologias do Gás Natural e em Gerenciamento de Projetos. Iniciou sua carreira na Vale, atuando como engenheiro de Automação; coordenador de Energia, Telecomunicações e Automação; e coordenador de Engenharia. Ingressou na TBG em 1999, atuando como engenheiro de Medição/Scada, coordenador Técnico, coordenador de Projetos, coordenador de Integridade de Dutos, coordenador de Engenharia, coordenador de Planejamento, coordenador de Fiscalização de Obras, gerente de Empreendimentos, gerente de Engenharia e gerente de Operações. Atualmente é o diretor de Manutenção e Operação da TBG.